Compartilhe:

Aumento de salário: Dicas e estratégias adequadas

Se você está pensando em pedir aumento de salário e tem dúvidas de como fazê-lo, não se preocupe. A maioria das pessoas também não sabem como, nem quando fazê-lo. Por  isso trouxemos essa matéria para ajudar você a se programar e a se preparar para conseguir um resultado positivo. Você poderá gostar de: Os 9 […]

Publicado por: Cida Ramos

montagem dinheiro

Se você está pensando em pedir aumento de salário e tem dúvidas de como fazê-lo, não se preocupe. A maioria das pessoas também não sabem como, nem quando fazê-lo. Por  isso trouxemos essa matéria para ajudar você a se programar e a se preparar para conseguir um resultado positivo.

Você poderá gostar de:

Os 9 erros mais comuns das entrevistas de emprego
A roupa certa para uma entrevista de emprego: Para eles e elas
Dicas de como elaborar uma Carta de Apresentação
Curriculum Vitae: Saiba tudo para elaborar um currículum perfeito
10 comportamentos insuportáveis no trabalho
Dicas para fazer uma reunião bem-sucedida  

Os trabalhadores e os gestores têm formas diferentes de analisar a sua performance e de reconhecer o valor do seu trabalho. Por vezes você pode achar que basta fazer um excelente trabalho para que seja automaticamente aumentado. Infelizmente no mundo real isso não acontece. Para que isso aconteça  existe uma coisa chamada Office Politics, que não é mais do que uma forma de ganhar influência na sua empresa e de ser reconhecido.

 O primeiro passo: Autoanálise

O profissional precisa fazer uma autoanálise e identificar quais benefícios ele traz para a empresa e quais resultados alcançou. É importante saber quanto o mercado paga para profissionais do mesmo nível.

“Pesquisas em sites de emprego e jornais ajudam a identificar a faixa salarial de sua área, assim como o valor pago por empresas do mesmo porte”, afirmou o diretor.

Se o profissional programar para investir parte do aumento em “reciclagem profissional”, será um ponto a favor.

O Segundo passo: Percepção

É importante perceber como está o humor do chefe antes de iniciar a conversa sobre o aumento de salário. O profissional também deve ter consciência do momento pelo qual a empresa está passando.

Agende uma conversa com o responsável pela decisão (gestor, superior, chefe…) e prepare-se para a ocasião reunindo fatos que justifiquem o pedido, como, por exemplo, avaliações de desempenho acima da média, participação de projetos importantes, que estavam além de suas atividades e que tiveram bom resultado, alguma inovação que gerou resultados acima das expectativas, e assim por diante.

Durante a conversa seja claro e direto apontando todos os argumentos que reuniu de forma convincente. Não se queixe, nem aproveite a ocasião para apontar problemas, a não ser que traga uma sugestão para solução, o que, aliás, irá justificar ainda mais esse aumento. Esteja aberto para ouvir os argumentos do superior e coloque o seu ponto de vista com confiança.

É importante verificar se a companhia não está enfrentando nenhuma crise financeira ou se congelou as contratações e promoções momentaneamente, por exemplo.

Os feedbacks podem funcionar como termômetros de como os gerentes avaliam os funcionários e pode ser um direcionador quanto às questões salariais.

 O terceiro passo: Aspectos que devem ser observados

O chefe é prioritário. Os chefes querem ter pessoas na sua equipe que os ajudem a atingir os seus próprios objetivos. Ele é quem tem mais capacidade de melhorar as suas condições dentro da empresa.

A sua imagem é muito importante. Se você está  fazendo um bom trabalho, certifique-se que as pessoas certas sabem. Elas não adivinham, e sem se tornar maçante, aproveite as oportunidades para mostrar  o que fez e as ideias que tem.

Saiba o que quer. Quando chegar a altura certa, saiba o que pedir. Os pacotes salariais não incluem apenas dinheiro , mas também outras regalias (seguros, carro, prêmios, etc).

Tenha um plano B. Se não conseguir o que pretende quando pedir o aumento, tente sempre ganhar outros benefícios.

Saiba quando desistir. Infelizmente, muitas vezes é necessário mudar de empresa para se conseguir um bom aumento salarial. Se já tentou tudo o que podia e não se sente satisfeito, equacione a mudança.

Dicas do que não se deve fazer. Aspectos e maneiras inadequadas:

1 – Não seja rude: Para a negociação dar certo, nada de ser rude. Apenas mostre que também é de interesse da empresa lhe dar um aumento, para mantê-lo motivado;

2 – Não conte histórias: Seu chefe não quer saber se seu filho precisa de um novo computador. Mostre apenas que está sendo mal remunerado pelo serviço que realiza;

3 – Não faça um teatro:  Mesmo que suas emoções sejam justificáveis, não precisa dividi-las com seu chefe. Demonstrações histéricas e de choro só o farão mostrar infantilidade e falta de profissionalismo;

 4 – Não se compare: Nada de pedir um aumento somente porque seu colega de trabalho ganhou um. Analise as condições dele e as suas. Provavelmente, ele está há mais tempo na empresa ou com mais atribuições;

5 – Não ameace desistir: Por que seu chefe investiria em alguém tão vulnerável?

Se preparando adequadamente para  esse momento,  você aumentará suas chances de conquistar seus objetivos, e mesmo que não consiga esse aumento imediatamente, mostre que conhece seu valor. Isso vai fazer com que seja lembrado na primeira oportunidade.

Boa sorte!

 

Fontes: http://poupardinheiro.info / http://www.igf.com.br/ http://web.infomoney.com.br

Recomendado para você

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *