Compartilhe:

Como perder a gordura abdominal e conseguir uma barriga de tanquinho!

Conheça o segredo para perder gordura abdominal e ficar com uma barriga de tanquinho!

Publicado por: Cida Ramos

560x250-458067-4db9b257d8935

Abdômen “sarado” ou de “tanquinho” é resultado da combinação de reeducação alimentar, atividades físicas aeróbicas (caminhada, bicicleta, natação e corrida), atividades físicas anaeróbicas ou exercícios localizados (abdominais), e consciência corporal.

Sobre alimentação, você estará abastecido de informações ao rever os programas sobre o tema e também no Pensando Leve, outro blog do Bem Estar.

Como já comentei outras vezes, aumentando sua atividade física diária, com exercícios, deslocamentos e maior consciência sobre a importância da reeducação alimentar, você retira gordura do corpo, mantém ou ganha massa muscular, torna-se mais saudável e melhora o metabolismo e a composição corporal.

A principal dica para você ficar com um abdômen invejável é exercício, exercício e exercício – com orientação de um educador físico para evitar lesões, conseguir regularidade e ajustar a intensidade e a execução adequadas para sua evolução.

Existem muitas possibilidades de fazer abdominais. Vou sugerir o isométrico, que é fácil e ajuda no processo de perda da barriga, cujos músculos são responsáveis pelo centro de força do corpo e ligam os membros superiores aos inferiores.

Esse tipo de treino é ideal para ganhar força e tônus muscular rapidamente, sem produzir mais músculos (para quem não quer). Outra principal vantagem é a diminuição da sobrecarga na articulação.

Para fazer os movimentos isométricos, é preciso contrair os músculos, desenvolvendo certa tensão, de modo que não haja nenhuma alteração no comprimento das fibras musculares.

Como qualquer outra atividade física, a prática de exercícios isométricos também tem restrições. É contraindicada para pessoas com problemas cardíacos ou hipertensão, porque pode elevar a pressão arterial.

E a atividade isométrica não deve ser a única opção para quem não frequenta academia ou tem vida sedentária. Como qualquer outro exercício, requer disciplina, tempo e concentração. Conhecendo bem as restrições, praticar exercícios isométricos é muito bom. Apenas dê atenção a pequenos detalhes para que seu treino seja um sucesso: mantenha a respiração tranquila, sem prendê-la; comece devagar, fazendo pequenas séries de no máximo 10 segundos; tenha cuidado com a coluna e evite desalinhá-la.

Fonte:G1

Recomendado para você

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *