Compartilhe:

Dicas para escolher o vestido de noiva

Se você vai se casar sabe que escolher o vestido de noiva é uma tarefa difícil, por isso trouxemos esta matéria com 12 dicas para te orientar, confira!

Publicado por: Cida Ramos

dicas-para-escolher-o-vestido-de-noiva-capa2

O ano todo noivas e mais noivas se casam, e como tem muita gente comemorando o noivado por aí o PortalTudoAqui,  preparou este post  com dicas para escolher o vestido de noiva, para ajudar no momento mais nervoso e gostoso de quem planeja o casamento: a escolha do vestido de noiva.

Recomenda-se  que cerca de 1 ano a 11 meses antes do casamento, comece a pesquisar o tipo de vestido que irá usar, analise os modelos e as possibilidade de corte e cores adequadas. Há muito o que considerar para que o modelito case com sua personalidade e fique bem no seu corpo.

Quando for escolher as lojas selecione as que possuem o estilo próximo ao que está  procurando. Na hora e experimentar e realizar a decisão final leve alguém de sua confiança e que de preferência respeite a sua opinião. Lembre-se que o vestido além de ser lindo, maravilhoso, exuberante ele deve ser confortável. Preste atenção em todos os detalhes, estude o seu caimento e o modelo que realmente realça as sua maiores qualidades. Vamos as dicas na prática de como escolher o vestido.

 Os editores da revista The Knot dividem o vestido de noiva em 12 partes e cada um delas merece um pouquinho da sua atenção.Veja as dicas abaixo:

1. Silhueta:

ball gown

A silhueta do vestido é o formato básico dele. Ela é que vai dar o tom de todo o modelo. Alguns exemplos? O famoso ball gown, com cara de conto de fadas, tem top ajustado e saia farta.

2. Decote:

decote

Ele é o ponto mais notado do vestido da noiva. O decote casa com uma série de outros elementos: o penteado, as joias, o tipo de sustentação que a mulher precisa. Se você tiver seios fartos, comece sua procura por um modelo com alças ou um tomara-que-caia com excelente estrutura interna, que faz as vezes de sutiã.

3. Linha da cintura:

linha

Ao provar vestidos diferentes você vai entender na prática as mudanças que a linha da cintura proporciona. Você pode escolher um vestido bem ajustado e marcado na cintura, como o Manuel Mota da foto abaixo, um que apenas contorne suas curvas, um com a linha da cintura mais baixa, com saia abrindo perto dos quadris. Renovo minha dica: prove um de cada modelo para checar com qual se sente mais à vontade.

4. Mangas:

As mangas de um vestido de noiva podem ser longas, como as do vestido usado por Nicole Richie, ou apenas um detalhe a mais. Mangas curtinhas são uma boa opção para esconder gordurinhas no braço ou para dar uma cobertura a mais em casamentos de inverno. Você também pode considerar a opção de usar um bolero ou casaqueto por cima do vestido.

5. Comprimento:

A regra para o comprimento do vestido é bem simples. Casamentos no formato mais tradicional (cerimônia + recepção à noite) pedem longos. Modelos mais curtinhos podem ser usados na festa para curtir a pista de dança. Caso seu casamento seja à tarde ou pela manhã você pode usar um vestido mais curto como este abaixo

6. Tecido:

O tecido vai casar com o efeito que você pretende ter no seu vestido. Se quiser um modelo mais estruturado, os tecidos leves e fluidos são deixados de lado. Quer um vestido que contorne com suavidade o corpo? Então os mais maleáveis são perfeitos.

7 . Renda:

Ela é a queridinha das noivas, por isso merece uma atenção extra. A renda dá um ar romântico ao vestido e pode ser usada em todo o modelo ou apenas em detalhes. Fica uma dica: existem vários tipos de renda que vão pesar mais ou menos no seu orçamento.

8 . Detalhes:

Eeles são a cereja do bolo. Aqui entram os broches, flores de tecido, faixas de cintura, laços. Para 2011 a tendência é usar e abusar de pedrarias. Se você for mais discreta, que tal apostar em um detalhe discreto, como um cinto de cristais? O de Chelsea Clinton deixou as meninas apaixonadas.

9. Saia:

Um vestido de noiva pode ter saia reta, pode ser estilo sereia (aquele que abre discretamente abaixo do joelho), pode ser um ball gown, que você viu lá no item 1. Mais do que isso, a saia do vestido pode trazer detalhes extras, como camadas repicadas ou drapeados. Vera Wang é a rainha das saias trabalhadas.

10. Top:

Vamos aos detalhes do top do vestido. Quem tem busto pequeno pode se valer de drapeados fartos. Bordados também são boas opções para destacar a área.

11. Cauda:

Vestidos com cauda têm um ar mais formal. Caudas muito longas estão fora de moda. Uma prática adotada por quase todos os estilistas é tornar a cauda removível para que você possa destacá-la e curtir a festa com mais liberdade. Isso não será necessário caso a cauda seja discreta.

12. Cor:

 cor

O branco pode ser mais ou menos vivo como o exemplo do branco off white, um tom para o gelo. Tons que puxam para o nude estão em alta e são os queridinhos das fashionistas como Monique Lhuillier  entre outros.

Recomendado para você

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *