Compartilhe:

Linda e com tudo em cima aos Cinqueta: Dicas de alimentação e tratamentos fitoterápicos

Quer ficar linda e com saúde nos cinquenta, então veja que cuidados você tem que ter para conseguir ficar inteira e com saúde de dar inveja! Ingredientes fitoterápicos aos 50 anos Nesta fase da vida, seja criteriosa com o tamanho das porções e com o que coloca no prato. Abuse de ervas, chás e alimentos […]

Publicado por: Cida Ramos

570_nutricao09

Quer ficar linda e com saúde nos cinquenta, então veja que cuidados você tem que ter para conseguir ficar inteira e com saúde de dar inveja!

Ingredientes fitoterápicos aos 50 anos

Nesta fase da vida, seja criteriosa com o tamanho das porções e com o que coloca no prato.
Abuse de ervas, chás e alimentos que promovam saúde. Assim, você emagrece, ganha mais disposição e longevidade Edição Ulrica d’Orey Parte 1

• Uma taça de vinho tinto três vezes por semana faz bem ao coração
– previne o entupimento das artérias. Mas, se você não consome álcool, saiba que o suco de uva, 1/4 de maçã verde ou um quadradinho de chocolate amargo possuem a mesma quantidade de polifenóis.

• Nada de jogar o talo da salsinha fora, pois ele possui uma quantidade maior de cálcio do que as folhas. Quem garante é a nutróloga Keila Rachel de Azevedo, do Rio de Janeiro. Ela lembra que esse mineral é importante no tratamento da osteoporose, doença responsável por mais de 1,5 milhão de fraturas por ano no mundo, sendo que as mulheres representam a maior parte dos casos.

• A queda natural do metabolismo em 15% exige que você reduza o tamanho das porções para não ganhar peso. Mas, se já come feito um passarinho, tome 1 copo de suco light cinco minutos antes da refeição e mastigue mais vezes cada bocado para não sair da mesa com fome.

• Para eliminar toxinas e varrer os radicais livres do organismo, consuma sempre que possível nabo, rabanete, abóbora japonesa, maçã, soja, pepino, brócolis, almeirão, chicória, melão e gengibre. Todos são poderosos!

• Reduzir o colesterol em até 5% sem tomar remédio parece bom, não é mesmo? Pra isso, basta investir em fibras solúveis, como as encontradas na aveia. A dose diária é de 1 xícara da versão em flocos ou 1 1/2 do farelo. Ingredientes fitoterápicos aos 50 anos Ervas que fazem bem Nesta faixa etária, o cardápio que tem melhor aceitação é o que vem recheado com alimentos naturais e muitas ervas e molhos para temperar. A explicação está no seu paladar, que ficou mais apurado e exigente e já não se satisfaz com fast-food.

“O momento é perfeito para abusar de verduras e legumes crus ou cozidos no vapor, temperados com gengibre em pó, canela, gergelim, orégano, cravo, louro ou hortelã”, diz Vanderlí Marchiori.

A especialista sugere também a ingestão diária de 2 xícaras de chá de ervas, no mínimo, para equilibrar o metabolismo.
Vale misturar cidreira, salsaparrilha, casca de abacaxi ou de laranja, cavalinha e erva-doce.

É fácil de preparar: para cada litro de água, adicione 1 colher (sobremesa) de cada uma das ervas, leve para ferver por cinco minutos, abafe por mais dez, coe e beba ao longo do dia.

Fonte:Claudia.Abril.com

Recomendado para você

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *