Compartilhe:

Strogonoff de Filé Mignon com Batata Souté

Esta é a receita clássica e tradicional.Feita com todos os ingredientes especiais e “chics” que a verdadeira receita de Strogonoff exige. Pelo menos uma delas. Existem outras variações consideradas também como uma receita tradicional, que leva outros ingredientes tais como oregano e mostarda francesa. Mas essa aqui é uma delícia também. Você poderá gostar de: […]

Publicado por: Cida Ramos

strogonoff (1)

Esta é a receita clássica e tradicional.Feita com todos os ingredientes especiais e “chics” que a verdadeira receita de Strogonoff exige. Pelo menos uma delas. Existem outras variações consideradas também como uma receita tradicional, que leva outros ingredientes tais como oregano e mostarda francesa. Mas essa aqui é uma delícia também.

Você poderá gostar de:

Batata Souté:Receita tradicional

Filé ao molho de gorgonzola e batata souté

Strogonoff de frango ou carne rápido e fácil

Strogonoff de camarão

 

É polêmica a receita de Strogonoff, pois existem várias por ai e muitas vezes elas não chegam nem perto da original, da verdadeira receita. Mas nem por isso deixam de ser gostosas, mesmo que seja improvisada, quase um picadinho com creme de leite. E eu mesma já postei uma receita mais simples, digamos assim, e mais barata também.

Mas hoje resolvi postar uma receita tradicional, Clássica, e chic!

Muita gente diz que certas receitas se tornaram bregas de tanto que se faz em festas, já outras que eram bregas se tornaram chiques.

Chic ou Brega?

Exemplo clássico das que eram chiques e se tornaram bregas e o famoso Strgonoff, que de tanto ter sido difundido acabou com a pecha de popular demais, se tornando brega.Servido em muitas festas, casamentos, noivados, eventos, o Strogonoff é uma receita clássica da cozinha mundial, nascida com requintes, pois, utiliza diversos ingredientes hoje acessíveis, mas, que num passado não muito remoto, bem caros.

Deve haver uma infinidade de variações que não deveriam ser confundidas com a receita clássica, entretanto, foram tantas as adaptações que hoje podemos dizer que muitas vezes o que é servido como Strogonoff, talvez seja um bom cozido com creme de leite que se aproxima as vezes da receita verdadeira e outras, sequer chega perto.

 

Receita Clássica  de Strogonoff  de Filé

Ingredientes:

1 kg de filé mignon;

4 colheres (sopa) de manteiga;

1 fio de azeite;

Sal e pimenta a gosto;

1 cebola picada;

1/2 xícara (chá) de conhaque;

200 gramas de cogumelos frescos, picados;

3 tomates, sem pele e sem sementes;

1 colher (sopa) de mostarda;

2 colheres (sopa) de ketchup;

350 ml de creme de leite.

Erva de provance ou orégano à gosto

 

Preparo:

Corte a carne em tiras finas.

Derreta 3 colheres (sopa) de manteiga, junto com o fio de azeite numa frigideira grande e vá fritando a carne, aos poucos, em fogo alto, sem deixar juntar suco.

Retire a carne, junte mais 1 colher (sopa) de manteiga e outro fio de azeite e frite aí a cebola.

Junte a carne novamente e despeje conhaque, deixe aquecer e incline levemente a frigideira para que o conhaque incendeie.

Deve flambar até acabar a chama, junte os cogumelos, tampe a frigideira e deixe por alguns minutos.

Acrescente os tomates picados, torne a tampar a panela e deixe por mais 5 minutos.

Acrescente a mostarda e o ketchup,a erva de provance ou orégano mexa bem, deixando no fogo baixo.

No momento de servir junte o creme de leite, misture-o bem e retire do fogo antes de ferver.

 

Dicas:

Toda vez que derretar manteiga em preparações salgadas, utilize um fio de azeite para que a manteiga não queime.

Para evitar a perda do suco de carne ao fritar, use uma frigideira grande e fogo forte, colocando pequenas porções de cada vez.

Antes de flambar o strogonoff, guarde a garrafa de conhaque, segure a frigideira pelo cabo e mantenha-se afastada do fogão.

Sirva com arroz branco e batata souté

Acompanha um bom Cabernet Sauvignon. Ou o vinho tinto seco de sua preferência.

_________

 

Receita de Batatas Souté.

. Ingredientes

-10 batatas médias

-1 xícara de chá de cebolinha e salsa picadinhas

-2 colheres de manteiga de leite (cheias)

-Sal e pimenta do reino (meia colher de café)

-2 cebolas

-6 dentes de alho

 

Modo de Fazer:

Descasque as batatas e corte-as em pedaços pequenos (+ ou – cubos de 2cm). Cozinhe-as com 1 colher de café de sal (rasa). Após cozidas ponha-as num escorredor até que saia toda água. Numa panela coloque a manteiga, o alho amassado e a cebola batidinha e complete o sal (se o da batata não tiver sido suficiente). Deixe refogar até que a cebola fique macia. Desligue.

Na hora de servir, torne a colocar a panela no fogo. Quando a manteiga (com os temperos) estiver quente (não muito) coloque as batatas e vá mexendo (com cuidado para não desmancharem), até que fiquem bem encorpadas da manteiga. Desligue, coloque a salsa e cebolinhas picadas, misture bem e sirva.

Informações adicionais

Basicamente, existem dois tipos de cortes o Chateaubriand, obtido na chamada “cabeça” do filet, a parte mais grossa; e o medalhão, na central, bonito como ele só, redondinho e suculento. Aqui se faz necessária uma explicação. Foram os franceses que aperfeiçoaram o corte. Detalhe semântico: “filet mignon”, para eles, é o lombo de porco; chamam de “filet de boeuf ” a carne objeto deste texto. Pois bem, retirada a pele prateada que envolve a peça inteira, sobra uma carne limpa e apetitosa. Usando o centro dela, que fornece porções uniformes, os franceses criaram três cortes distintos.

Quando deixam o pedaço com no mínimo 1,5 centímetro de altura e entre 110 e 120 gramas, nomeiam-no medalhão. Com 4 centímetros e 180 gramas, passam a denominá-lo tournedos. Se o tamanho dobra, fazendo-o alcançar de 300 a 350 gramas, recebe o nome de Chateaubriand (mais adiante explicaremos por quê).

OBs.:Na foto abaixo você pode ver :

Os principais cortes do filet: 1 – O filet mingon inteiro e limpo de gorduras e aponevroses. 2 – Picado neste tamanho pode ser usado para fondue ou refogado. 3 – O tradicional Chateaubriand, cortado da “cabeça” do filet. 4 – Do coração do filet, o famoso tournedos. 5 – Um medalhão, retirado mais perto da ponta. 6 – Corte específico para o brasileiríssimo “picadinho”

 

Fonte: www.fornofogaoecia.zip.net
          www.avecchiacucina.blogspot.com
          www.lavecchiacucina.blogspot.com
     
Fonte fotos:http://papodacozinha.blogspot.com

Recomendado para você

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *